(Foto: Pixabay)

Um caso inusitado foi registrado nos últimos dias. Uma mulher de 85 anos foi declarada morta no último dia 13 de janeiro. A família fez o enterro supostamente da parente com o caixão lacrado por ser vítima da covid-19. Entretanto, tudo foi uma confusão, e na verdade a família havia enterrado outra pessoa.

Segundo informações, o asilo onde a idosa ficava teria confirmado o óbito da idosa. Porém no sábado (23), 10 dias depois do enterro, a confusão com as identidades foi descoberta e as autoridades corrigiram o erro. A idosa estava viva e recuperada do coronavírus.

A direção do asilo onde ela ficava relatou que o erro iniciou no hospital onde as duas mulheres estavam infectadas com Covid- 19.

O caso foi registrado na Espanha.

Deixe seu comentário

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui