Foto: Pixabay

Muito se pergunta sobre o que pode ou não ser modificado em uma motocicleta. As dúvidas aumentam pela quantidade de normas que disciplinam o trânsito: Código de Trânsito Brasileiro, Portarias da SENATRAN (antigo DENATRAN), Resoluções do CONTRAN, dentre outras. O mesmo ocorre em relação à possibilidade de se utilizar placa lateral em motocicletas.
O artigo 115 do Código de Trânsito Brasileiro estabelece que “o veículo será identificado externamente por meio de placas dianteira e traseira, sendo esta lacrada em sua estrutura, obedecidas as especificações e modelos estabelecidos pelo CONTRAN”.
A norma anterior – Resolução nº 780 de 26 de junho de 2019 – já estabelecia a impossibilidade do uso de placa lateral: “deve ser afixada no veículo em primeiro plano, na extremidade traseira ou dianteira, em posição vertical”.
A Resolução 969/22 do CONTRAN – que revogou diversas disposições sobre o uso de placa, reunindo todas em uma só Resolução – e dispõe sobre o sistema de Placas de Identificação de Veículos (PIV), registrados no território nacional-, determina que “os reboques, semirreboques, motocicletas, motonetas, ciclomotores, cicloelétricos, triciclos, quadriciclos e guindastes serão identificados apenas pela PIV traseira”. Ou seja, não há dúvidas em relação à proibição de uso de placa lateral.
O artigo 221 do Código de Trânsito prevê que portar placas de identificação em desacordo com as especificações e modelos estabelecidos pelo CONTRAN (em desacordo com a Resolução 986/22) é infração média, com penalidade de multa, e como medida administrativa a retenção do veículo para regularização, e a apreensão das placas.
Não é obrigatória a adoção de novas placas, a não ser em caso de furto, extravio (como por exemplo em uma enchente), roubo, dano, transferência de município ou Estado. Também é proibido aos órgãos de trânsito exigir a mudança para a nova placa de identificação veicular (PIV).

Com informações de Walber Pydd, advogado especialista em trânsito da CWB Multas. Saiba mais clicando aqui.

Deixe seu comentário

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui