Foto: Hully Paiva/SMCS

Nesta segunda-feira (11/05), a Prefeitura de Curitiba começou a fornecer kits de alimentação às famílias das crianças e estudantes matriculados da rede municipal de ensino.

A distribuição começou a ser feita pelas regionais do Boa Vista e Santa Felicidade. A expectativa da Secretaria Municipal da Educação é que 27,7 mil famílias retirem os alimentos neste primeiro dia de fornecimento, em 77 unidades escolares das regionais de Santa Felicidade e Boa Vista.

A entrega dos kits seguirá até a próxima sexta, dia 15, conforme cronograma (veja tabela abaixo), nas escolas e Centros Municipais de Educação Infantil (CMEIs) de cada regional. Ao todo, são cerca de 145 mil matriculados na rede curitibana. Nesta terça-feira (12/5), a entrega será nas regionais Bairro Novo e Portão.

Cada família retirou o kit na unidade onde a criança está matriculada, em ação organizada das 10h às 17horas. Os kits buscam compensar a ausência de alimentação escolar durante a suspensão das aulas em decorrência da covid-19. Conforme o decreto número 580, as aulas presenciais estão suspensas na rede municipal curitibana pelo menos até o dia 2 de julho.

Para ter direito ao kit (um por criança), a família precisa ter filhos em escolas municipais, Centros Municipais de Educação Infantil (CMEIs) ou Centros de Educação Infantil (CEIs) contratados.

Uma família que tenha dois filhos na rede municipal, por exemplo, terá direito a dois kits, e deverá preencher um formulário para cada criança/estudante.

Em boa hora

A recepcionista Patrícia Bueno Rarege foi até o CMEI Cassiopeia, no Boa Vista, retirar o kit da filha Alicia, de 5 anos. Os filhos Matheus e Giovana, matriculados em outras unidades escolares da regional também tiveram direito ao benefício que, segundo Patrícia, chegou em excelente momento. O marido, que gerenciava uma loja em um shopping Center, foi despedido e a renda da família caiu mais do que a metade.

“É o que vai nos garantir manter a alimentação adequada das crianças neste momento difícil e com isso poderemos pagar o aluguel da casa”, contou Patrícia.

“Ajuda mais do que bem-vinda, ainda mais que considera as necessidades especiais dos nossos filhos”, contou a comerciante Suzana Aparecida de Liz. Para ela foram fornecidos dois kits, um referente à filha Mirlleya, 5 anos, atendida no CMEI Cassiopeia, e outro para o filho Benjamin, 1 ano, do Centro de Educação Infantil (CEI) Amar.

No momento da retirada, o responsável pela criança matriculada precisa apresentar o CPF ou a carteira de identidade. Também precisa ter o nome do estudante matriculado e nome da instituição de ensino, para que seja feita a conferência dos dados.

O vigia Leonel Freitas aproveitou a folga no trabalho para ir até a Escola Municipal Walter Hoerner, no Mossunguê, buscar o kit da filha Maria Eduarda, estudante do 4º ano. Aproveitou a viagem para retirar as atividades pedagógicas para a filha participar das videoaulas que estão sendo exibidas pela Secretaria Municipal da Educação.

“Estamos percebendo a preocupação da prefeitura para que as crianças possam continuar aprendendo neste momento. Estão garantindo alimentação de qualidade e as atividades para que não sejam prejudicados”, disse Leonel.

A diarista Mônica Lopes Santana, mãe do Miguel, 4 anos, atendido no CMEI Piquiri, está sem poder trabalhar. Foi dispensada pela patroa e está em casa cuidando filho. “Olha, temos conseguido nos manter com o auxílio que recebemos da prefeitura. Que bom que essa medida foi tomada”, disse Mônica.

O cronograma de fornecimento de kits nos CEIs contratados será informado posteriormente. Os pais/responsáveis devem aguardar a confirmação do cronograma que será enviado pelas unidades.

As entregas são realizadas em horário determinado conforme cronograma, evitando, assim, as aglomerações e atendendo as recomendações dos órgãos de saúde.

Para retirada do kit na unidade, o uso de máscaras é obrigatório, bem como o distanciamento social adequado deverá ser respeitado.

Em caso de dúvidas, procure o Núcleo Regional da Educação do seu bairro.

Cronograma por regional:

Dia 11/5 – famílias com estudantes matriculados nas unidades das regionais Boa Vista e Santa Felicidade.

Dia 12/5: Bairro Novo e Portão.

Dia 13/5: CIC e Matriz.

Dia 14/5: Tatuquara e Pinheirinho.

Dia 15/5: Boqueirão e Cajuru.

Deixe seu comentário

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui