IML RABECAO
(Foto Ilustrativa/Arquivo)

Um homem de 42 anos foi assassinado na noite deste sábado (9), a facadas após advertir sua enteada sobre o uso excessivo do celular. O crime foi registrado na cidade de Sarandi no Paraná.

De acordo com informações repassadas pela polícia, Genesio Dornelas da Costa, 42 anos, não gostou que a filha de sua esposa estava utilizando demais o celular e a advertiu.

O irmão da menina, um adolescente de 17 anos, que é enteado de Genesio estava no quarto e ouviu as advertências e não gostou. Ele pegou uma faca e desferiu vários golpes em Genésio.

Após o crime, o adolescente fugiu mas foi localizado por equipes da ROTAM e foi apreendido.

O SAMU chegou a ser acionado, mas Genesio não resistiu aos ferimentos.

Na delegacia, o adolescente relatou que o padrasto tentou agredir sua irmã e por isso ele teria cometido o crime. A mãe do adolescente desmentiu o fato relatando que o padrasto havia apenas advertido a menina por estar usando celular demais.

Deixe seu comentário

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui