(Foto: PCPR/Divulgação)

A Polícia Civil do Paraná (PCPR) cumpriu um mandado de prisão contra um homem, de 49 anos, suspeito de estuprar e engravidar a enteada de 12 anos. O crime ocorreu no final do ano de 2019 e se repetido em março deste ano, em Ponta Grossa. A prisão ocorreu no distrito de Palmeiral (MG) e contou com o apoio das Polícias Civil e Militar de Minas Gerais, bem como da Polícia Militar do Paraná.

O registro da ocorrência foi feito em abril deste ano pela irmã da vítima, após a adolescente apresentar mudanças no corpo. O exame comprovou a gravidez da menina.

O suspeito fugiu para Minas Gerais ao tomar conhecimento de que seria preso. Após intenso trabalho de investigação da PCPR,  foi possível localizar o homem. Ele tentou fugir ao ser visto pelos policiais.

REINCIDÊNCIA – Em 2017 o suspeito respondeu pelo estupro de vulnerável e lesão corporal da irmã da vítima, de 15 anos. O suspeito já foi denunciado pelo Ministério Público por esses crimes.

Deixe seu comentário

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui