Ilustração

Na tarde de segunda-feira (12) um homem morreu depois de ser atingido por um botijão de gás que foi arremessado da janela do último andar de um prédio em Copacabana, no Rio de Janeiro.

A pessoa que atirou o botijão pela janela foi preso pela Polícia Militar e foi encaminhado para a Delegacia de Homicídios da Capital, que investiga o caso. Familiares relataram que ele teria problemas mentais e estaria passando por tratamento psicológico.

Foram atirados diversos objetos pela janela além do botijão. Até mesmo uma parte de um fogão foi arremessado.

A vítima era um vendedor de frutas da região. Ele chegou a ser socorrido mas não resistiu aos ferimentos e acabou morrendo.

Deixe seu comentário

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui