IML rabecão
(Foto: Ilustrativa)

Na noite desta terça-feira (23) homem de 30 anos foi assassinado dentro da Casa de Custódia de Maringá, no Paraná. Ele estava preso por ter espancado a esposa até a morte no início do ano.

Segundo informações, o indivíduo de 30 anos foi estrangulado e enforcado pelo companheiro de cela, de 23 anos.

Segundo informações, o detento brutalmente assassinado estava preso desde 8 de janeiro por ter matado a esposa de 29 anos na frente das três filhas, de 3, 4 e 8 anos.

O seu companheiro de cela confessou ter assassinado o detento e ainda contou detalhes da morte. O detento que matou o desafeto, já tem passagens por furto qualificado, violência doméstica, lesão corporal e violação de domicílio. Agora ele ainda responderá por homicídio qualificado. Ele usou uma blusa e um lençol para matar o companheiro de cela.

Os policiais penais chegaram a acionar o socorro porém nada pôde ser feito.

O corpo do homem foi encaminhado ao Instituto Médico Legal de Maringá.

A Polícia Civil investiga o caso.

Deixe seu comentário

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui