Maicon Galdino dos Santos, 20 anos, assassinado com 10 tiros na noite desta terça-feira (12), na zona leste de Londrina, havia sobrevivido a outro atentado que resultou na morte de uma criança.

Na noite do dia 15 de novembro de 2020, Maicon estava fugindo pois tinha um dívida de veículo não acertada.

Então, o agressor tentou matá-lo, perseguindo de moto enquanto Maicon fugia em outra moto. Ele de vítima, passou a ser também suspeito de crime porque a motocicleta que ele estava conduzindo tinha uma alerta de furto.

Durante o fato, Maicon aproveitou o portão aberto e entrou na residência em que uma menina de 11 anos estava junto com familiares.

Maicon tentou se esconder na casa, no entanto, o criminoso não desistiu e efetuou diversos disparos em direção à residência. Um dos tiros acabou atingido a menina Luana na barriga.

Luana chegou a ser socorrida, mas não resistiu ao ferimento. Maicon não foi atingido pelos disparos neste atentado.

Maicon que estava com tornozeleira eletrônica foi assassinado nesta terça-feira (12), na Rua Pedra Verde esquina com Avenida Santa Mônica em Londrina, na zona leste da cidade. Ele foi atingido por 10 disparos.

A Delegacia de Homicídios investiga o crime.

Deixe seu comentário

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui