A Juíza Fernanda Maria Zerbeto Assis Monteiro, concedeu a liberdade provisória ao ex-BBB Diego Alemão neste domingo (18).

A prisão aconteceu na manhã de sábado (17), quando Diego teria se envolvido em um acidente de trânsito na Rua João Alencar Guimarães, no bairro Santa Quitéria. Após a chegada da equipe da polícia, ele teria desacatado os policiais militares que atenderam a ocorrência.

O ex-BBB não realizou o teste do bafômetro para confirmar se estava dirigindo embriagado.

O advogado Jeffrey Chiquini que defende Diego relatou que, a decisão acertada da justiça paranaense em conceder liberdade a Diego Gasques. O fato configurou mero acidente automobilístico, sem vítimas e com prejuízos patrimoniais leves. Em momento algum Diego se furtou de responsabilidade e no local dos fatos, inclusive, se propôs à reparação do dano patrimonial e realizou transferência bancária no valor de R$7.000,00. Os fatos somente tiveram este desdobramento diante das incessantes exigências financeiras feitas pela suposta vítima, sob o pretexto de não expor a imagem de Diego aos veículos de comunicação. Está defesa nega que Diego estava embriagado. E assegura que contribuirá com as investigações e provará sua inocência, finalizou Chiquini.

A juíza também determinou as seguintes medidas cautelares:

  • Comparecimento bimestral em Juízo para informar e justificar atividades, durante o curso do inquérito e de eventual processo (art. 319, I, CPP), devendo a apresentação ocorrer até o 5º dia útil de cada mês;
  • Proibição de se ausentar da Comarca onde reside por prazo superior a oito dias, sem prévia autorização judicial (art. 319, IV, CPP);
  • Fiança valorada em R$ 7.000,00 (sete mil reais), a qual se mostra compatível com os crimes em tese praticados e com a condição financeira do autuado (art. 319, VIII c/c art. 325, do Código de Processo Penal).

O ex-BBB deve sair da Delegacia de Delitos de Trânsito de Curitiba ainda nesta tarde.

Deixe seu comentário

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui