Diferente de diversas manchetes que foram divulgadas nas últimas horas noticiando a explosão de um dos motores de uma aeronave da Gol, o que realmente houve foi um problema simples que foi sanado rapidamente pela tripulação.

A aeronave estava em Juazeiro do Norte e o destino era São Paulo. Na manhã desta segunda-feira (2) por volta das 4h20 durante a aceleração para decolagem, foram vistas labaredas e barulhos de “explosão”. Passageiros assustados acharam que o motor do avião havia explodido e a decolagem foi abordada pelo comandante.

O que a maioria não sabe é que o motor não explodiu. O que houve foi um problema chamado estol de compressor que é uma completa interrupção do fluxo de ar através do compressor e que pode, no pior dos casos, causar uma reversão instantânea na direção do fluxo de ar que passa pelo motor. A gravidade do estol varia de uma queda momentânea de potência (ocorre tão rapidamente que quase não é registrada pelos instrumentos do motor) até uma completa perda de compressão, necessitando de uma redução no fluxo de admissão de combustível do motor. Durante o estol, é possível ver labaredas saindo dos motores o que é normal durante o fenômeno.

Existe inúmeros fatores que podem causar um estol de compressor, como aves sugadas ou até algum objeto.

Veja o vídeo registrado por um passageiro:

O voo foi cancelado e os passageiros foram realocados em outros voos. Ninguém ficou ferido.

1 comentário

Deixe seu comentário

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui