Permanece na delegacia de Guaratuba, o motorista de 67 anos que dirigia um ônibus de turismo que se envolveu em um acidente trágico na BR-376 na manhã desta segunda-feira (25), na descida da serra do mar, Curva da Santa em Guaratuba.

O motorista afirmou em depoimento ao delegado Cristiano Quintas que logo após passar a área de escape percebeu problemas no sistema de freio. O ônibus ganhou velocidade e seguiu descendo a serra do mar. No km 668, na Curva da Santa, em Guaratuba o veículo não venceu a curva, colidiu na mureta e despencou.

Informações preliminares do Corpo de Bombeiros dizem que, até o momento, 19 pessoas morreram, sete estão em estado grave, quatro são vítimas moderadas e 19 leves. Porém, de acordo com a Polícia Militar, mais de 50 pessoas ficaram feridas. As vítimas foram encaminhadas para hospitais em Curitiba e Joinville (SC), com apoio das aeronaves do BPMOA.

O veículo tinha 57 passageiros, além de dois motoristas. O acidente aconteceu perto das 8h30 no quilômetro 668.

Foram deslocados para o local duas aeronaves do BPMOA, caminhões de Combate a Incêndio e Resgate, ambulâncias e viaturas de Busca e Salvamento do Corpo de Bombeiros do Paraná; viaturas da concessionária Litoral Sul, da Polícia Rodoviária Federal, da Polícia Civil, da Polícia Científica e do Instituto Médico Legal, além do suporte de Santa Catarina, que encaminhou aeronaves do Grupo Águia e viaturas do Corpo de Bombeiros e da Polícia Militar.

O motorista ainda informou que o ônibus havia feito parada em Curitiba onde alguns passageiros desembarcaram. Outros desceriam em Balneário Camboriú e em Florianópolis.

Deixe seu comentário

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui