Duas mulheres foram detidas furtando chocolates e levadas para a delegacia de polícia em Paranaguá, no litoral do Paraná.

Na chegada das mulheres de 45 e sua sogra de 65 anos, o Delegado Rodrigo Souza até pensou em aplicar o princípio da insignificância, já que o valor subtraído era pequeno, pois elas haviam furtado alguns Ferrero Rocher.

Ao consultar a ficha das duas, o delegado percebeu que elas já tinham sido presas algumas vezes e elas já teriam realizados cerca de 10 furtos de chocolate em um mercado de Paranaguá e não aprenderam a lição.

O delegado então autuou as duas por furto qualificado.

Deixe seu comentário

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui