PMPR Siate
(Foto: Ilustrativa)

Uma mulher de 40 anos morreu ao praticar asfixia autoerótica durante masturbação no banho.

Segundo informações da polícia, o corpo da mulher foi encontrado no chuveiro de casa em Staffordshire. A conclusão da autópsia apontou para uma prática chamada de asfixia autoerótica. Exames médicos apontaram que ela tinha traços de uma droga chamada monkey dust no corpo. A causa da morte foi forte compressão no pescoço.

A informação é de que pessoas fazem asfixia autoerótica (que consiste em ficar sem respirar) para aumentar a intensidade do orgasmo durante a masturbação. É usado um saco plástico na cabeça ou uma corda apertada no pescoço.

O caso foi registrado em Staffordshire, Inglaterra

Deixe seu comentário

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui