iml pmpr
(Foto: Ilustrativa)

Recebeu alta na tarde desta quinta-feira (1) Caroline Carrilho, 29 anos, que estava internada no Hospital do Trabalhador após confessar o assassinato do filho de 3 anos.

O crime foi registrado na terça-feira (29), quando Caroline saiu de casa com o filho e foi até o bairro Riviera, quase na divisa com Campo Largo às margens da BR-277. Ela teria entrado em uma área de mata e asfixiado o filho de 3 anos até a morte.

Após o crime, Caroline teria efetuado cortes sem gravidade nos pulsos e braço. Em seguida ela se dirigiu para a BR-277 onde teria tentando se atirar na frente de algumas carretas sem sucesso.

A Polícia Rodoviária Federal foi acionada e uma pessoa que trabalha em um clube ao lado de onde o crime aconteceu encontrou Caroline e chamou o Siate. Durante o atendimento dos socorristas, um policial da PRF conversou com ela que relatou o que havia acontecido, sobre ter matado o filho. Até o momento não foi possível apurar a motivação do crime.

Nesta tarde ela recebeu alta do Hospital do Trabalhador onde seguiu direto para a Central de Flagrantes. Neste momento ela presta depoimento ao Delegado Nasser Salmen.

Deixe seu comentário

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui