Foto: Guarda Municipal

A mulher que foi encontrada em um buraco de 3 metros de profundidade em Londrina, disse para a polícia que foi espancada por sete pessoas. Cinco homens e duas mulheres.

Além de ser agredida, a mulher teve 50 reais e o celular roubados. Até o momento ela não conseguiu indicar quem foram os responsáveis pela agressão.

Entenda o caso

Mulher é agredida e deixada em buraco com 3 metros de profundidade para morrer

Na tarde de quinta-feira (13) uma mulher foi encontrada com diversas marcas de agressão pelo corpo, jogada dentro de um buraco com 3 metros de profundidade, em Londrina, no Paraná.

Segundo informações da Guarda Municipal, a mulher foi localizada depois de uma denúncia anônima. Os guardas foram até uma construção abandonada e encontraram a mulher dentro do buraco. O corpo de Bombeiros foi até o local e retirou a vítima, de 32 anos, do local. Além de diversos ferimentos na cabeça, barriga e pernas, estava com as duas mão quebradas.

Segundo a denúncia, a vítima foi agredida a noite inteira e depois jogada no buraco. Os agressores voltariam na noite seguinte para matá-la.

Além de ferida, a mulher que ficou 12h no buraco, ainda estava desidratada. Ela foi encaminhada a um hospital onde permanece internada.

Deixe seu comentário

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui