(Foto: Facebook/Acervo Pessoal)

A Delegacia de São José dos Pinhais já conseguiu levantar informações que podem ajudar a elucidar dois assassinatos acontecidos em São José dos Pinhais, na região metropolitana de Curitiba no último fim de semana.

A primeira morte foi registrada durante a madrugada de sábado (4), quando na manhã o corpo de Emerson dos Santos Xavier, 35 anos, foi encontrado no bairro Miringuava. Ele foi morto a facadas e teve a faca cravada no corpo. O crime pode estar relacionado ao tráfico de drogas. Além disso, após a morte de Emerson sua namorada teria sido sequestrada pelos autores do crime e levada para um motel. Na sequencia ela foi liberada.

Local onde Emerson foi assassinado. Foto: Cristiano Vaz/Programa 190

Os amigos de Emerson teriam se revoltado com a situação e sequestraram uma adolescente que supostamente seria amiga dos autores da morte de Emerson. Loryan Meyrielle de Oliveira, 17 anos, teria sido levada para um cativeiro onde foi ameaçada e torturada. Eles queriam que Loryan entregasse quem assassinou Emerson.

Na manhã de domingo, o corpo de Loryan foi encontrado no Rio Miringuava, na Colônia Muricy. Ela foi assassinada com tiros na cabeça, pescoço e peito. O crime teria sido registrado em outro local e os assassinos levaram o corpo em um carro e abandonaram no rio.

O corpo da adolescente foi encontrado no Rio Miringuava. Foto: Cristiano Vaz/Programa 190

A Delegacia agora tenta identificar os autores dos dois crimes. Loryan foi enterrada na manhã de segunda-feira em São José dos Pinhais.

Deixe seu comentário

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui