(Foto: PCPR/Divulgação)

A Polícia Civil do Paraná (PCPR) prendeu três pessoas em flagrante na segunda fase de operação contra o tráfico de drogas em Colombo e Pinhais, municípios da Região Metropolitana de Curitiba, na sexta-feira (18). Durante a ação, foram apreendidas 700  pedras de crack e milhares de embalagens utilizadas para empacotar entorpecente.

Um jovem de 22 anos, apontado como “responsável químico” de uma organização criminosa está entre os presos. Um homem e uma mulher, ambos de 21, também foram presos na operação. O trio foi autuado por tráfico de drogas.

Os policiais civis ainda apreenderam 200 gramas de crack e uma pequena porção de cocaína. O laboratório de produção estava funcionando em um novo endereço em Pinhais. Quatro mandados de busca e apreensão foram cumpridos. A polícia não descarta a participação de outras pessoas no crime. As investigações continuam.

PRIMEIRA FASE – A primeira fase da operação foi desencadeada no dia 17 de setembro de 2020. Cinco pessoas foram presas, entre elas o líder da organização. As investigações levaram os policiais a identificarem toda a cadeia responsável pelo tráfico, desde o comando, gerenciamento até à distribuição. Na ação foram apreendidos um fuzil 556, munições para fuzil do mesmo calibre, uma pistola de calibre nove milímetros com seletor de rajada, um revólver de calibre 32, grande quantidade de embalagens para comercialização de drogas, três carros. crack e cocaína.

Deixe seu comentário

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui