Delegado Bradock divulgou a foto de um indivíduo suspeito de assassinar um policial militar no último fim de semana, na zona rural de Cerro Azul, na região metropolitana de Curitiba.

De acordo com o delegado, o suspeito identificado por Joel Pereira Cunha já conta com várias passagens pelo sistema prisional e é bastante perigoso. Ele que teria atirado no policial e segue foragido.

O crime

A situação iniciou quando o Soldado Fernando Hortz, lotado no Batalhão de Trânsito, saiu de Curitiba para passar o fim de semana na casa de um amigo em Cerro Azul, para uma festa de aniversário com familiares. Após o encerramento do aniversário, o policial junto com seu amigo foram para um baile na zona rural da cidade.

Após a chegada no baile, houve uma confusão e o policial tentou separar uma briga, porém acabou se tornando alvo de três indivíduos que partiram para cima dele. O trio começou a agredir o policial e conseguiu tomar sua arma. Em seguida vários disparos foram efetuados e atingiram o policial militar e seu amigo.

O trio entrou em um Gol prata e fugiu levando a arma do policial. Pessoas que estavam no local socorreram o policial militar e seu amigo até o hospital de Cerro Azul. Durante o trajeto, o militar não resistiu aos ferimentos e morreu na chegada ao hospital. O amigo do policial foi socorrido consciente e durante atendimento no pronto socorro, conversou com as equipes que foram até o local informando o que havia acontecido.

Um grande cerco policial foi montado na região, mas até o momento os envolvidos na morte do soldado Fernando Hortz não foram localizados.

Deixe seu comentário

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui