A Divisão de Homicídios investiga a morte do radialista Maxwel de Andrade, 43 anos, encontrado morto a tiros em um carrinho de recicláveis na Rua Ivaiporã, no Alto Boqueirão em Curitiba.

O crime foi registrado neste sábado (22), e um catador de recicláveis acabou sendo detido pela polícia, pois estava carregando o corpo de MaxWel enrolado em três cobertas. Ele foi executado a tiros.

A motivação do crime ainda é um mistério e existe a possibilidade de o catador de recicláveis detido ter sido pago para transportar o corpo para algum lugar. A Polícia Civil acredita que ele possa dar informações que ajudem a esclarecer o crime.

Maxwel deixou esposa e dois filhos. Ele era natural do município de Canoinhas em Santa Catarina e trabalhou como locutor de rádio em Curitiba e região metropolitana e no estado de Santa Catarina.

Deixe seu comentário

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui