(Foto: PCPR/Divulgação)

A Polícia Civil do Paraná (PCPR) prendeu preventivamente um suspeito por preconceito, coação no curso do processo, ameaça e porte ilegal de arma de fogo em Curitiba, na segunda-feira (23). O homem, de 43 anos, praticou os crimes contra o síndico e funcionários de um condomínio.

Um mandado de busca e apreensão foi cumprido no endereço do suspeito. Os policiais apreenderam uma pistola nove milímetros utilizada para ameaçar as vítimas.

Os crimes iniciaram no dia 12 de outubro deste ano, após o suspeito ser notificado por descumprir normas do condomínio. O síndico, de 38 anos, foi ameaçado de agressão física e sofreu preconceito pela orientação sexual em frente a funcionários do condomínio.

A última situação ocorreu na sexta-feira (20), quando o suspeito ameaçou funcionários do condomínio com a arma de fogo.

O suspeito também responde por posse ilegal de arma de fogo em Joinville, em Santa Catarina, e tem passagem por desacato.

Deixe seu comentário

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui