(Foto: PCPR/Ilustração)

A  Polícia Civil do Paraná (PCPR) prendeu pai e filho, de 42 e 20 anos, respectivamente, suspeitos de estupro de vulnerável, na região Norte do estado, nesta quarta-feira (27). Os suspeitos são investigados por estupros contra uma adolescente de 13 anos, que seria namorada do rapaz de 20.

O pai do namorado da vítima foi preso na casa dele, localizada no município de Borrazópolis. Já o namorado da vítima foi preso na casa em que eles moravam, na cidade de Cambira. Nesse endereço também foi cumprido um mandado de busca e apreensão.

A investigação iniciou em março deste ano, quando o Conselho Tutelar denunciou o caso à PCPR. Os estupros teriam acontecido nos últimos seis meses. Em depoimento, a vítima relatou ter sido abusada sexualmente pelos dois suspeitos e, que ela era obrigada a morar na casa casa do namorado, sendo proibida e sair de retornar para a casa dos pais dela.

Os suspeitos não possuíam antecedentes criminais. A pena prevista para o crime de estupro de vulnerável é de até 15 anos de prisão. A vítima foi encaminhada para exames periciais e entregue aos pais.

Deixe seu comentário

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui