O Soldado Antônio e o Soldado Nogueira lotados na 4° Companhia do 13° Batalhão de Polícia Militar, não imaginavam que o começo do ano de 2020 seria sob forte emoção.

Era por volta das 5h10 do dia 1 de janeiro e a dupla patrulhava pelo bairro Sítio Cercado em Curitiba, quando avistaram uma fumaça saindo de uma residência. Os policiais deslocaram até a Rua Gabriel Ribeiro e perceberam que uma casa estava em chamas. Os policiais então derrubaram a porta e invadiram o local, eles foram até o quarto e encontraram uma mulher dormindo. Ela acordou assustada com os policiais sem saber o que estava acontecendo. Um dos policiais tomou a mulher nos braços e conseguiu retirá-la da residência já tomada pelas chamas.

O outro policial ouviu gritos de socorro e continuou as buscas na casa em chamas. O fogo aumentou e o policial gritou para o parceiro para ajudar a encontrar outra suposta vítima. Ambos realizaram buscas por toda a casa e acabaram se queimando. Foi quando perceberam que os gritos de socorro eram de uma mulher em uma casa ao lado. Durante a buscas os dois policiais sofreram queimaduras nós braços.

Os policiais saíram da casa e os bombeiros chegaram no local. Apesar da rapidez dos bombeiros a casa ficou destruída pelas chamas.

Apesar do susto a mulher não ficou ferida no incêndio.

Deixe seu comentário

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui