Foto: PRF

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) apreendeu 736,1 quilos de maconha em uma caminhonete na noite desta sexta-feira (8) em Balsa Nova, na Região Metropolitana de Curitiba. Durante a abordagem, na BR-277, o motorista quase atropelou os agentes da PRF, mas acabou preso em flagrante pelos crimes de tráfico de drogas, tentativa de homicídio e receptação. Com placas clonadas, o veículo havia sido roubado.

Por volta de 20h40, os policiais rodoviários federais faziam ronda nas imediações da Unidade Operacional São Luiz do Purunã, quando o motorista de uma caminhonete Fiat Toro de cor preta desobedeceu a ordem de parada.

Seguido pela viatura, o homem furou o bloqueio feito pelo restante da equipe, em frente ao posto policial. Para tanto, transitou em alta velocidade pelo acostamento, onde estavam três agentes da PRF, que por pouco não foram atingidos.

Durante a tentativa de fuga, ele também transitou entre os demais veículos, fez ultrapassagens forçadas e jogou outros motoristas para fora da pista.

Alguns quilômetros à frente, o traficante perdeu o controle da caminhonete, que se chocou contra a defensa metálica, no canteiro central.

Pela consulta do número do chassi, a equipe da PRF descobriu a placa original do veículo, que havia sido roubado no último mês de janeiro, em São José dos Pinhais (PR). Na ocasião, bandidos armados invadiram a casa de uma idosa, que foi trancada em seu banheiro enquanto a quadrilha subtraía diversos bens, entre eles a caminhonete agora recuperada pela PRF.

Aos policiais, o preso disse que saiu de Palotina (PR) e que pretendia levar a carga ilícita até Tubarão (SC).

Ele responderá a princípio pelos crimes de tráfico de drogas, tentativa de homicídio, receptação de veículo roubado e direção perigosa. A PRF registrou a ocorrência na Delegacia da Polícia Civil em Campo Largo.

 

 

Deixe seu comentário

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui