Liverson Benites, 33 anos, se entregou na tarde desta quinta-feira (16), na Divisão de Homicídios em Curitiba.

Ele estava sendo procurado acusado de matar o policial civil Wagner Silva Campos, 40 anos, morto a tiros na noite de domingo (12) no bairro Parolin em Curitiba.

Outro homem e duas mulheres que teriam participação no crime também foram detidas e ouvidas.

Liverson teria se entregado com medo de ser morto. A motivação do crime ainda é investigada.

Deixe seu comentário

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui