Uma travesti foi assassinada com um tiro na cabeça na madrugada desta sexta-feira (25), em um motel localizado na Rua Luiza Betti, próximo da BR-369 em Londrina, no norte do Paraná.

O autor do crime, um homem, chegou sozinho no motel em veículo Fiat Palio com placas de Borrazópolis. Pouco depois, a travesti chegou em um veículo de aplicativo. Após aproximadamente 10 minutos, funcionários do motel ouviram disparos de arma de fogo. O homem que chegou no Palio tentou fugir do motel, mas o funcionário fechou o portão e impediu a saída do carro. O homem então pulou um muro e fugiu a pé deixando o carro dentro do motel.

Equipes de resgate do Siate e Samu foram acionadas, mas ao chegar no local encontraram a travesti com um ferimento por disparo de arma de fogo na cabeça e sem sinais vitais. O local foi isolado pela Polícia Militar para que a Polícia Científica realizasse a perícia. Câmeras de segurança do motel podem ajudar a polícia a identificar o autor do crime.

O perito constatou que a travesti além de ser baleada, acabou sendo atropelada pelo carro do homem, após estar caída no chão baleada. O corpo foi encaminhado para o Instituto Médico Legal de Londrina onde aguarda identificação.

Deixe seu comentário

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui