(Foto: PCPR/Ilustração)

A Polícia Civil do Paraná (PCPR) prendeu preventivamente um homem, de 65 anos, por estupro de vulnerável e ameaça praticado contra a enteada, em Londrina, na região Norte do estado. A prisão aconteceu na terça-feira (30). O suspeito estava foragido há sete anos, desde que o mandado de prisão foi expedido pela Justiça.

O crime ocorreu em 2012, quando a mãe da vítima viajou e deixou a filha aos cuidados do padrasto em Londrina. Durante esse período o homem estuprou a adolescente, que tinha 14 anos. A vítima informou que o padrasto ainda a ameaçava afirmando que “as coisas ficariam pior se ela contasse para alguém”.

As investigações iniciaram em novembro de 2012, quando a mãe da vítima descobriu o crime e registrou Boletim de Ocorrência. A PCPR apurou o crime e com indícios suficientes da autoria representou pela prisão preventiva do suspeito.

Ao saber que a PCPR estava investigando o crime, o suspeito fugiu da cidade, ficando aproximadamente cinco anos sem dar notícias. Ele retornou para Londrina e através de denúncia foi preso na casa de sua atual convivente, no bairro Warta.

O investigado possui antecedentes criminais de ameaça e se for condenado pelos crimes pode pegar até 15 anos de prisão.

Deixe seu comentário

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui