A Secretaria Municipal da Saúde (SMS) de Curitiba confirma os primeiros dias sem mortes de moradores da cidade por covid-19. O primeiro dia sem óbitos foi 7 de novembro, um domingo, seguido de 11 (quinta-feira) e 13 (sábado) de novembro.

A divulgação só está sendo feita nesta terça-feira (16/11) após a conclusão de todas as investigações epidemiológicas necessárias. Embora em queda – nos últimos 14 dias caíram 38,1% – os óbitos ocorridos na cidade passam por intensa investigação, pois ainda há mortes em virtude da doença.

“É muita alegria anunciar que no período de uma semana minha amada Curitiba teve três dias sem mortes pela peste da covid-19. O meu coração se enche de esperança de que logo iremos vencer a pandemia”, comemora o prefeito Rafael Greca.

Curitiba atingiu a marca de 91% dos moradores com 12 anos ou mais (público-alvo) com ao menos uma dose da vacina anticovid e 81% com o ciclo de imunização completo.

“É uma notícia muito animadora e que comprova os benefícios da vacina e das medidas de enfrentamento da pandemia que tomamos até aqui. Porém, devemos continuar com os cuidados”,  disse a secretária municipal da Saúde, Márcia Huçulak.

Internamentos

Nesta terça-feira (16/11) a taxa de ocupação dos 138 leitos de UTI exclusivos para a covid-19 está em 33%.

A taxa de ocupação dos 137 leitos exclusivos de enfermaria é de 36%.

A cidade já teve mais de mil leitos SUS exclusivos para a covid-19 (UTI e enfermaria) e mantém hoje baixa ocupação com apenas 275 leitos ativos.

Menos restrições

Além da redução de óbitos, a SMS divulgou na última semana a menor pontuação dos indicadores que balizam as medidas restritivas na cidade.

Deixe seu comentário

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui