(Foto: Polícia Militar/Divulgação)

Um homem foi preso duas vezes neste fim de semana ao dirigir embriagado.

A primeira ocorrência foi registrada na madrugada de sábado (14), quando a polícia recebeu ligações informando que o motorista de um Palio estaria dirigindo em ziguezague pela via. O homem foi localizado em frente a uma lanchonete, e de acordo com informações repassadas pela polícia, o abordado apresentava hálito etílico, roupas desalinhadas e olhos vermelhos. O abordado que é professor universitário relatou aos policiais que havia consumido vinho e se negou a fazer o teste do bafômetro.

Após pagar fiança de um salário mínimo o professor ganhou a liberdade ainda no sábado, mas o que ninguém imaginava é o que estava para acontecer.

Novamente, no início da noite de sábado, a Polícia Militar recebeu ligações de um motorista de um Palio dirigindo de forma perigosa pelas ruas. Os policiais foram até o local indicado e encontraram novamente o professor apresentando sinais de embriaguez, e desta vez com uma das rodas do carro sem pneu, somente no aro.

Novamente ele foi preso e encaminhado para a Delegacia de Polícia. Desta vez a delegada de plantão decidiu manter a prisão até a audiência de custódia que aconteceu nesta segunda-feira (16).

Na audiência de custódia o juiz entendeu que ele não oferece risco para sociedade e arbitrou a fiança de R$1000,00 já que o professor não tinha antecedentes criminais. Ele pagou fiança e foi solto.

O homem agora irá responder em liberdade por dois inquéritos e caso seja condenado, a pena é de seis meses a três anos por cada crime cometido.

O fato foi registrado na cidade de Aquidauana no Mato Grosso do Sul.

Deixe seu comentário

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui